Artigo em periódico, Revista Brasileira de Musicoterapia, 2014

A aplicação da música, realizada por musicoterapeutas e por outros profissionais da saúde com pessoas em estados de baixo limiar de atenção: uma revisão sistemática

O objetivo deste estudo foi o de oferecer uma síntese da literatura acerca das intervenções musicais, realizadas por musicoterapeutas e por outros profissionas da saúde, com pessoas em estados de baixo limiar de atenção incluindo condições como o estado vegetativo, o estado de consciência mínima e o coma. Uma revisão sistemática da literatura foi conduzida e demonstrou que música possui o potencial de estabelecer um contato positivo com pessoas nestas condições podendo auxiliar na redução de comportamentos tais como a inércia, a agitação e a ansiedade. O estudo também demonstrou que a aplicação da música pode facilitar o aumento do nível de respostas via sinais vitais e expressões faciais, abertura de olhos e movimentos de extremidades do corpo bem como pode evocar atividades do córtex auditivo.

The application of music, done by music therapists and other health professionals, with people in low awareness states

The aim of this review is to provide an evidence-based synthesis of the research literature on music intervention, done by music therapists and by professionals from other health areas, for people in low awareness states (LAS), that includes vegetative state (VS), minimally conscious state (MCS), and coma. A systematic review of the literature was conducted and showed that music has potential to establish a positive contact with a person in LAS helping the reduction of inertia, agitation and anxiety, increasing responsiveness in vital signs and facial expressions, stimulating eye opening and extremity movements, and evoking activity in the auditory cortex.

CategoriaRevista Brasileira de Musicoterapia
Ano
Por
IdiomaPortuguês
Link
TipoArtigo em periódico
CódigoRBMT2014N17A5
Notificar ao Amplificar um problema sobre este texto (RBMT2014N17A5)