Artigo em periódico, InCantare, 2016

Musicoterapia e educação musical no contexto hospitalar: aproximações e distanciamentos

Por: Gustavo Schulz Gattino, Livia Cunha da Silva, Albertino Moura
Palavras-chave: Educação musical, Musicoterapia, Hospital, Práxis

A utilização da música nos hospitais é uma prática comum que possui registros históricos desde o início do século passado. Ela tem sido realizada por musicoterapeutas e recentemente por professores de música. Esse artigo tem o objetivo de refletir sobre a práxis do Musicoterapeuta e do Educador Musical no contexto hospitalar através de uma revisão de literatura, com o propósito de mostrar diferenças e semelhanças em cada uma destas atividades a partir de uma análise dos objetivos; processo; relações e participantes envolvidos; recursos, técnicas, métodos; e, população atendida.

Music therapy and music education in the hospital context: similarities and differences

The use of music in hospitals is a common practice that has historical records since the beginning of last century. This practice has been conducted by music therapists and recently by music teachers. This article aims to reflect on the music therapist’s praxis as well as on the musical educator's praxis in hospitals through a literature review in order to show differences and similarities in each of these activities from an analysis of objectives; process; relationships and participants involved; features, techniques, methods, and population.

CategoriaInCantare
Ano
Por
IdiomaPortuguês
Link
TipoArtigo em periódico
CódigoINCANT2016V7N1A4
Notificar ao Amplificar um problema sobre este texto (INCANT2016V7N1A4)