O Amplificar está com novo layout. Se você encontrar algum problema, por favor entre em contato.
A associação do modo musical com as emoções auxilia a aquisição de percepção harmônica em cegos congênitos e normovisuais
Comunicação oral, SIMCAM, 2015

A associação do modo musical com as emoções auxilia a aquisição de percepção harmônica em cegos congênitos e normovisuais

Por: Danilo Ramos, Amanda Nicolau, Camila Figueiredo, Eduardo Mello, Jorge Pires, Juslei Silva, Mariana Abad
Palavras-chave: Cegos, Emoções musicais, Percepção harmônica
Seguir para o texto completo

Atenção: o link acima encaminha para um arquivo que também contém outros textos e, por isso, pode haver demora em carregá-lo. Ao clicar no link, o arquivo já será carregado na página correta.

O objetivo do presente estudo foi comparar as representações mentais da percepção harmônica entre grupos de cegos e normovisuais. Entende-se por cegos os indivíduos com cegueira congênita ou aqueles que tenham perdido a visão antes dos cinco anos de idade e normovisuais os indivíduos que não apresentam significativa alteração da capacidade funcional da visão. Participaram do estudo 14 cegos e 15 normovisuais não músicos de ambos os sexos com idades entre 14 e 52 anos. Os participantes foram submetidos a um experimento de escuta em que responderam se cada trecho musical apreciado estava no modo maior ou menor. Ao grupo controle não foi dada nenhuma instrução para a realização do teste, enquanto que o grupo experimental recebeu uma estratégia cognitiva que relacionava o modo à emoção (modo maior, alegria e modo menor, tristeza). Todos os participantes escutaram 16 trechos musicais com aproximadamente 20 segundos de duração, apresentados aleatoriamente em três versões: somente melodia (M), melodia e harmonia (MH) e somente harmonia (H), configurando-se 48 trechos musicais. O design experimental utilizado foi 3 condições dos trechos musicais (M, MH e H) x 2 estratégias cognitivas (controle versus experimental) x 2 grupos (cegos e normovisuais). O teste estatístico ANOVA indicou um aumento no índice de respostas corretas na tarefa requisitada no grupo dos normovisuais a partir da estratégia cognitiva fornecida. Neste sentido, os resultados sugerem que a relação entre emoção e modo ocorre de forma diferente entre indivíduos cegos e normovisuais.

Musical mode association with emotions helps the acquisition of harmonic perception in congenitally blind and sighted

The aim of this study was to compare the mental representations of harmonic perception between blind and sighted individuals. We defined blind as individuals with congenital blindness or those who have lost sight before the age of five and sighted individuals who have no significant change in functional capacity of vision. 14 blind and 15 sighted individuals from both sexes and aged between 14 and 52 years old (all nonmusicians) participated of this experiment. Participants were submitted to a listening experiment in which they should respond if each piece of music appreciated was in major or minor mode. The control group did not receive any instructions to the test, while the experimental group received a cognitive strategy that related the mode to emotion (major mode to happiness and minor mode to sadness). All participants listened to 16 musical excerpts with approximately 20 seconds of duration, presented randomly among participants in three versions: only melody (M), melody and harmony (MH) and only harmony (H). Each excerpt was transported to a minor mode, totalizing 48 excerpts. The experimental design used was 3 x musical excerpt conditions (M, MH and H) x 2 cognitive strategies (control versus experimental) x 2 groups (blind and sighted). The ANOVA indicated an increase of correct answers in the task required the group of sighted from the provided cognitive strategies. In this sense, results suggest that the relation between emotion and mode occurs differently between sighted and blind individuals.

CategoriaSIMCAM
Ano
Por
IdiomaPortuguês
Link
Link (info)Link indireto
TipoComunicação oral
CódigoSIMCAM2015C18
Notificar ao Amplificar que este texto não está disponível (SIMCAM2015C18)