Comunicação oral, Congresso Nacional da ABEM, 2013

A alfabetização musical em escolas alternativas de Santa Maria

Por: Darwin Pillar Corrêa, Pablo da Silva Gusmão
Palavras-chave: Escolas alternativas, Teoria musical, Vestibular
Seguir para o texto completo

Atenção: o link acima encaminha para um arquivo que também contém outros textos e, por isso, pode haver demora em carregá-lo. Ao clicar no link, o arquivo já será carregado na página correta.

O estudante que pretende se candidatar ao ingresso em um curso superior de música frequentemente enfrenta uma prova de conhecimentos específicos que verifica suas habilidades musicais prévias (Souza; Páscoa, 2006; Ramos, 2007). Alguns candidatos sentem a necessidade de aprimorar seus conhecimentos musicais para realizar a prova de conhecimentos específicos exigida por muitos dos cursos superiores de música do país. Em cidades como Santa Maria - RS, onde as opções de escolha para receber orientação musical são pouco abrangentes, alunos procuram escolas alternativas para se preparar para a prova específica. O presente artigo investiga, através de entrevistas semiestruturadas com os diretores das escolas alternativas do município, algumas características do trabalho realizado nestas escolas, em particular sobre o ensino de teoria musical, e em relação à preparação para prova de conhecimentos específicos para o vestibular para cursos de música. Constatamos que a maioria dos diretores acredita na importância da leitura musical, mas não há um consenso sobre a inserção do conteúdo nas aulas. Observamos que não há, nestas escolas, programas de preparação para a prova de música do vestibular, e que o ensino é feito de acordo com os requisitos da prova no ano vigente.

CategoriaCongresso Nacional da ABEM
Ano
Por
IdiomaPortuguês
Link
Link (info)Link indireto
TipoComunicação oral
CódigoABEM2013C2
Notificar ao Amplificar um problema sobre este texto (ABEM2013C2)